Canal Exclusive
Revista Online

Belo Horizonte é contemplada em edital do Ministério da Cultura e terá consultoria para candidatura de Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco

por Redação | publicado em terça, 06 de novembro de 2018


Vinte e quatro cidades se inscreveram no edital e a capital mineira alcançou o 5º lugar geral entre as selecionadas para consultoria de elaboração do dossiê que será entregue à Unesco

Belo Horizonte ganhou mais força para conquistar o título de Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco. A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, inscreveu a capital mineira no edital do Ministério da Cultura (MinC) que dá às cidades ganhadoras consultoria para elaboração do dossiê que será entregue à Unesco. Das 24 inscritas, Belo Horizonte ficou em 5º lugar, com 79,25 pontos, e foi contemplada juntamente com 14 cidades.

A candidatura de Belo Horizonte como Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco foi lançada oficialmente na última terça-feira, 16/10, pela Belotur. A previsão é que o resultado saia em outubro de 2019 e a capital mineira terá como embaixador o premiado chef belo-horizontino Léo Paixão. O anúncio da candidatura foi feito no encontro “Cidades Criativas: Turismo e Gastronomia”, evento promovido na sede da Prefeitura.

Além de auxiliar na elaboração da candidatura, o edital visa estimular a elaboração de planos de desenvolvimento que impulsionem a economia criativa nos municípios brasileiros, tenham a cultura como base e contribuam com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) previstos na Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU).

Para integrar a rede, a cidade deve preparar um dossiê, que passará por processo de seleção realizado pela Comissão de Avaliação da Unesco. A candidatura deve demonstrar, de forma clara e prática, a disposição, o compromisso e a capacidade da localidade em contribuir com os compromissos da Rede. Deve apresentar um plano de ação realístico, incluindo detalhamento de projetos, iniciativas e políticas a serem executadas nos quatro anos seguintes à admissão ao Programa.

De acordo com o presidente da Belotur, Aluizer Malab, esta é uma das ações que integram o Programa Municipal de Turismo Gastronômico, elaboradas estrategicamente pela Belotur com o apoio técnico da Comissão de Gastronomia da Prefeitura de Belo Horizonte, do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) e da Frente da Gastronomia Mineira. A iniciativa busca colocar a gastronomia da cidade como fator de competitividade entre os destinos turísticos nacionais e internacionais.

“É importante ressaltar que Belo Horizonte já está ganhando com todo o processo da candidatura, com troca de informações, integração da cadeia produtiva e profissionalização de todo o setor gastronômico da cidade. A candidatura reforça o projeto de cidade que estamos construindo, mais sustentável e que valoriza o que é produzido aqui. Por isso, vamos montar esse dossiê de candidatura e apresentar tudo o que temos, desde a infinidade de festivais, até a força do nosso café, da cachaça, da cerveja, dos restaurantes”, afirmou Aluizer Malab.

Confira aqui as cidades vencedoras do edital do MinC:

  1. Diamantina (MG) / Música / 86.08 pts.

  2. Cataguases (MG) / Cinema / 81.25 pts.

  3. Niterói (RJ) / Cinema / 80.33 pts.

  4. Campinas (SP) / Música / 79.67 pts.

  5. Belo Horizonte (MG) / Gastronomia / 79.25 pts.

  6. Duque de Caxias (RJ) / Artes Midiáticas / 70.41 pts.

  7. São Paulo (SP) / Gastronomia / 70.08 pts.

  8. Novo Hamburgo (RS) / Cinema / 69.00 pts.

  9. Rio das Ostras (RJ) / Música / 68.75 pts.

  10. Itaboraí (RJ) / Artesanato e Artes Folclóricas / 66.58 pts.

  11. Pelotas (RS) / Música / 65.67 pts.

  12. Imbituba (SC) / Artesanato e Artes Folclóricas / 64.33 pts.

  13. Santana de Parnaíba (SP) / Artesanato e Artes Folclóricas / 63.25 pts.

  14. Aracajú (SE) / Música / 62.67 pts.

  15. Taubaté (SP) / Música / 61.83 pts.

Unesco

Desde 2004, a Rede de Cidades Criativas da Unesco ressalta a criatividade de seus membros dentro de sete áreas temáticas: Artesanato e Artes Folclóricas, Design, Cinema, Gastronomia, Literatura, Artes Midiáticas e Música. Atualmente, conta com um total de 180 cidades em 72 países, oito delas no Brasil: Belém (PA), Florianópolis (SC) e Paraty (RJ), no campo da gastronomia; Brasília (DF) e Curitiba (PR), no do design; João Pessoa (PB), em artesanato e artes folclóricas; Salvador (BA), na música; e Santos (SP), no cinema.

Foto: Tamires Martins

Sugestão de legenda: Um dos principais atrativos turísticos da capital mineira é o Mercado Central, considerado a sínteses da gastronomia mineira


Comentários

Mais lidas

Card image cap
Por que fazemos o que fazemos?

Ler matéria
Card image cap
Projeto Cidade do gás

Ler matéria
Card image cap
1ª corrida contra o câncer beneficia ONG que doa perucas para pacientes oncológicos

Ler matéria
Card image cap
Uma goleada do Vila da Copa

Ler matéria
Card image cap
Rede internacional de sorvetes Cold Stone Creamery inaugura loja em BH

Ler matéria