Canal Exclusive
Revista Online

Conheça os agraciados pelo Prêmio Eduardo Frieiro 2018

por Redação | publicado em segunda, 09 de julho de 2018


A entrega do prêmio é um dos destaques da Semana Mineira de Gastronomia

A Academia Mineira de Letras, em Belo Horizonte, sediou na última terça-feira (26/06) a solenidade de entrega do Prêmio Eduardo Frieiro para dezoito agraciados que se destacaram no último ano em prol do desenvolvimento da gastronomia mineira. A solenidade contou com a presença de autoridades, familiares e amigos dos vencedores que foram prestigiar o registro desse importante momento.

A cozinha mineira é reconhecida internacionalmente e guarda ‘causos’ e histórias de pessoas e famílias acostumadas a receber em torno de uma boa mesa. Em 2012, o Governo do Estado instituiu o Dia da Gastronomia Mineira, celebrado em 05 de julho. Para comemorar a data, é realizada a Semana da Gastronomia Mineira, com uma extensa e saborosa programação. Sua intenção é resgatar e prestigiar a história e os valores da gastronomia mineira, contribuindo para explorar o potencial turístico e a geração de renda, fortalecendo também sua identidade.

Dentro dessa programação, o objetivo do Prêmio é valorizar o modo de fazer das iguarias, algumas já são premiadas em todo o Estado e outras ainda não reconhecidas, visando o reconhecimento estadual do trabalho de sustentabilidade e originalidade do modo de fazer das iguarias. É realizada uma intensa pesquisa na capital e no interior de Minas, em busca de pessoas e instituições que mantém a memória da culinária mineira através do seu modo de fazer e da memória de suas receitas centenárias.

O nome do Prêmio foi escolhido em homenagem ao escritor mineiro Eduardo Frieiro, que lançou, na década de 60, o primeiro livro de gastronomia, chamado “Feijão, Angu e Couve”, que trata, entre outros temas, sobre a forma de comer do mineiro. Frieiro também foi membro da Academia Mineira de Letras e fundador da Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa e hoje dá nome também ao Instituto responsável pela realização da Semana Mineira de Gastronomia.

Segundo os organizadores do evento, a gastronomia mineira encanta não somente por ser a mais característica do Brasil, mas, sobretudo porque é feita de pratos ricos em sabor e cheiosde significado. “Investir na Gastronomia, uma vocação natural dos mineiros, permite manter atradição do Estado de Minas Gerais, preservando sua identidade. As cozinhas regionais tentam - mesmo com a globalização - preservar o que lhe é peculiar, pois é isso exatamente que os faz diferentes do resto do mundo, com a cozinha regional de quintal e todas as peculiaridades inerentes a ela”, declara o chef Edson Puiati, curador do evento.

Conheça todos os agraciados de 2018

1. Exmo. Sr Fernando Pimentel – Governador do Estado de Minas Gerais, pelaCriação e implantação da política pública específica para a Gastronomia.

2. Exmo. Sr.Ângelo Oswaldo de Araújo Santos – Secretário de Estado de Cultura de Minas Gerais, pela Promoção e reconhecimento da Gastronomia como cultura.

3. Exmo. Sr.Agostinho Patrus Filho – Deputado Estadual, pelo trabalho desenvolvido em prol da Gastronomia mineira para a criação e apoio de projetos de leis e coordenação da Frente da Gastronomia Mineira.

4. Exmo. Sr Pedro Leitão–Pela atuação como Secretário da Agricultura do Estado de Minas Gerais, na criação do CertificaMinas valorizando os produtos e produtores agropecuários.

5. Luiz Carlos de Oliveira – Capril Santa Fé – Barbacena (MG) - Destaque na produção de produtos caprinos e seus derivados.

6. Rosana Lago e Luiz Lago – Sítio Juranda – Campestre (MG) - Destaque na produção de frutas vermelhas e seu beneficiamento.

7. Eduardo Girão – Jornalista - Destaque pelo trabalho de pesquisa, valorização e disseminação de produtos mineiros de origem, dentre eles o queijo artesanal.

8. Terezinha e Arnaldo Valentim – Cordeiro & Cia Sítio Urucum – Lima Duarte (MG) - Destaque na produção de cordeiros e seus derivados.

9. Alessandro Fontenelle, Eduardo Petri e Túlio Silva - Cervejaria Verace - Destaque pelo resultado obtido no Concurso Brasileiro de Cervejas 2018.

10. Ana Paula Lebbos - Cervejaria Backer - Destaque pelo resultado obtido no Concurso Brasileiro de Cervejas 2018.

11. Filipe Brasil – Engarrafados - Destaque pelo seu trabalho de mixologista, em especial utilizando a cachaça.

12. Ana Paula Beloto – Sandéleh Alimentos - Pela assinatura do blend da Borriello, que ganhou o FLOSOLEI 2018, o Guia Mundial Dos Azeites de Oliva, o mais importante e referente guia em azeites, que classifica os 500 melhores azeites do mundo.

13. Bruno Souza – Academia do Café - Pelo trabalho de pesquisa, valorização e disseminação acadêmica do café, em especial os mineiros e pelo prêmio de melhor cafeteria do Brasil pela revista Prazeres da Mesa.

14. Juliana Perdigão - Programa Terra de Minas – Rede Globo - Destaque pela valorização da gastronomia mineira em toda sua essência através do programa Terra de Minas.

15. Carla Retuci e Mario Borriello – Azeite Borriello - Destaque na produção de azeites em Minas Gerais e prêmios recebidos.

16. José Baltazar da Silva – Queijo da Serra do Salitre – MG - Pela medalha “Super Ouro” recebida na 11ª edição do Concurso Estadual de Queijo Minas Artesanal.

17. Luiz Otávio Pôssas Gonçalves - Cachaça Vale Verde – Pelo 1º lugar da cachaça “Vale Verde 12 anos” no concurso “50 melhores cachaças do Brasil – 2018”.

18. José Arilson Felipe – Associação dos Empreendedores Autônomos do Segmento de Alimentação de Pouso Alegre/MG (ASSEASAPA) - Pela produção e valorização da cultura alimentar através do pastel de milho.


Comentários

Mais lidas

Card image cap
Projeto Cidade do gás

Ler matéria
Card image cap
Uma goleada do Vila da Copa

Ler matéria
Card image cap
Rede internacional de sorvetes Cold Stone Creamery inaugura loja em BH

Ler matéria
Card image cap
Diga não aos canudos de plástico em restaurantes e bares

Ler matéria
Card image cap
Netimóveis renova sua identidade visual e lança aplicativos exclusivos para aluguel e venda de imóveis

Ler matéria