Belo Horizonte, 12/12/2019

BH recebe exposição do artista mineiro Pedro Moraleida

por Redação | publicado em terça, 12 de novembro de 2019



“A barbárie também tem poesia” provoca reflexões profundas sobre o papel do
indivíduo como ser contraditório, sobrevivente e transitório amante de artes e de vidas

Parte da vigorosa e extensa produção do belorizontino Pedro Moraleida, interrompida precocemente com sua morte aos 22 anos, em 1999, estará exposta na Galeria Manoel Macedo Arte, a partir do dia 23 de novembro. Com
curadoria assinada por Marcos Hill e Manoel Macedo, “A barbárie também tem poesia” promete impactar os visitantes.


Dentre as obras escolhidas, figuram algumas séries de pinturas de médio e grande formato e uma considerável quantidade de desenhos ainda inéditos. Nenhuma estará à venda. O inestimável acervo deixado pelo jovem Moraleida pertence a seus pais que, nos últimos anos, têm empreendido um formidável trabalho de divulgação desta coleção no Brasil e no mundo. No momento hiperespeculativo em que vivemos, parece bastante significativo
esse encontro entre o galerista Manoel Macedo e os pais de Pedro Moraleida, acontecimento que estimula reflexões, entendendo-se que, neste caso específico, nada além da admiração e do sincero reconhecimento da
importância desta obra motivou o que promete ser uma das exposições mais marcantes da temporada belorizontina.


A exposição estará aberta ao público de 23 de novembro de 2019 a 08 de fevereiro de 2020.

Para mais informações, acesse o site da Manoel Macedo Arte pelo endereço www.manoelmacedo.com.br ou o telefone (31) 3411-1012.

Serviço:
Local: Galeria Manoel Macedo Arte (Rua Lima Duarte, 158, Carlos Prates)
Abertura: 23 de novembro de 2019 (sábado)
Horário: 11h às 16 horas
Classificação: 16 anos


Exposição permanente
Horários: Segunda a sexta – das 10 às 18h30
Sábados – das 10 às 14h
Curadoria: Marcos Hill e Manoel Macedo


Comentários