Belo Horizonte, 09/03/2021

Lugar de Criação, do CCBB Educativo, propõe atividade de desenho em alimentos

por redacao | publicado em quinta, 18 de fevereiro de 2021



Foto: Equipe CCBB Educativo

O encontro é virtual e ocorre nesta sexta (19), no site do programa

Entreter as crianças em casa pode ser um desafio. Mas, com o Lugar de Criação, do CCBB Educativo, fica mais fácil. Em formato digital, o público poderá acessar, a partir do dia 19 de fevereiro, às 10h, a atividade Desenho com Alimentos. O acesso é gratuito e a atividade pode ser assistida pelo site www.ccbbeducativo.com.br.

Inspirado no trabalho da artista Lygia Pape, que nos anos 60 desenvolveu embalagens de biscoitos que se tornaram clássicos do design brasileiro, a proposta desse Lugar de Criação é criar novos padrões de desenho, com os alimentos que são encontrados em casa.

O Lugar de Criação busca sempre propor atividades que envolvam variadas linguagens artísticas com educação e conhecimento. Assim, de maneira lúdica, os participantes aprendem brincando.

Após o lançamento, a atividade permanece online, podendo ser acessada pelo público sempre que quiser.

Atividades on-line do CCBB Educativo

Em função do novo decreto instituído pela Prefeitura de Belo Horizonte, as atividades presenciais do CCBB Educativo estão suspensas por tempo indeterminado. Ainda assim, o público que busca por formas de se divertir e adquirir conhecimento em casa pode contar com as atrações pensadas exclusivamente para o digital e que compõem o cronograma do programa.

SERVIÇO:

Programa CCBB Educativo – Lugar de Criação

Desenho com Alimentos

Sexta-feira, 19 de fevereiro, às 10h

Classificação indicativa Livre – indicado para pessoas acima de 3 anos

Local: redes do CCBB e site do Programa CCBB Educativo - Arte & Educação

www.ccbbeducativo.com

Evento gratuito

Informações: (31) 3431-9440/9441


Sobre o Programa CCBB – Educativo

O Programa CCBB Educativo desenvolve ações que estimulam experiências, criação, investigação e reflexão através de processos pedagógicos, artísticos e curatoriais. Essas partilhas acontecem por meio de trocas culturais e metodologias de educação que garantem acesso amplo e inclusivo ao patrimônio e sua diversidade.


Comentários