Belo Horizonte, 04/07/2022

Revitalização do bairro Vale do Sereno apresenta, de forma pioneira em Minas, os conceitos do Novo Urbanismo e urbanismo sustentável

por redacao | publicado em terça, 24 de maio de 2022



Foto: Gustavo Andrade

Evento que ocorre no dia 27 vai marcar o início dos trabalhos que deve durar dois anos; em 2024 moradores já devem usufruir de toda a estrutura ofertada_

Pensar fora caixa, certamente você já disse ou ouvir alguém usar esse termo. Mas, na prática, o que ele quer dizer? Derivada do inglês “thinking outside the box”, a expressão significa pensar de forma inovadora, criativa e além dos padrões convencionais. Pensar fora da caixa, ou melhor, fora dos muros, tem levado grandes construtoras a investir em um ousado e pioneiro projeto do mercado imobiliário no Vale do Sereno, em Nova Lima. É que, com tanta gente vivendo nas áreas consideradas urbanas, já passou da hora de repensarmos que tipo de cidade queremos para morar. Aliás, muitas sabem sim o que querem: querem qualidade de vida, praticidade, comodidade, segurança, áreas de lazer, ruas acalmadas, maior contato com a natureza e uma vasta rede de serviços, de preferência, dentro do próprio condomínio.

Para lançar este ousado e pioneiro projeto do mercado imobiliário, um consórcio formado pelas principais construtoras incorporadoras que atuam na região de Nova Lima irá promover no próximo dia 27, sexta-feira, um evento para apresentar o projeto e seus conceitos.

O projeto, que é pioneiro no estado de Minas Gerais, está ancorado nas bandeiras do Novo Urbanismo, cujo objetivo principal é ter o planejamento urbano de um local construído e pensado para as pessoas e do Urbanismo Sustentável, que busca promover bem estar e qualidade de vida aos habitantes de um determinado lugar. Além disso, a proposta é levar resgatar a centralidade, proporcionando aos moradores a condição de morar, trabalhar, estudar e se divertir num mesmo lugar. E mais: a ideia de um bairro onde as pessoas são protagonistas para a transformação de um mundo mais sustentável.

As obras de revitalização, com início ainda em 2022, devem durar dois anos. A ideia é que em 2024, os moradores já possam usufruir de ruas mais vivas, travessas que vão interligar essas ruas, novas praças e locais de diversão para crianças, obras de arte espalhadas por calçadões, um anfiteatro ao ar livre e uma nova igreja. Tudo isso ladeado por trilhas ecológicas que vão ao encontro de cursos d’àgua, nascentes, cascatas e áreas de preservação permanente, com sinalização de totens para orientar os caminhantes e estimular neles o espírito de conservação do bioma natural.

Junto com o ideário do Novo Urbanismo, o tripé que sustenta a proposta conta, ainda, com as práticas de ESG - sigla em inglês que se refere a boas práticas ambientais, sociais e de boa governança - e de Place Branding, que identifica e potencializa a vocação de uma cidade ou de um lugar, para torná-lo mais conhecido e desejado. De acordo com o idealizador do projeto, o engenheiro civil e design urbano André Pessoa Ayres, “a vocação e a marca Vale do Sereno estão intimamente ligadas à qualidade de vida. Associadas à sua ótima localização, empreendimento imobiliário de alto padrão, um vasto leque de comércio e serviços e rodeada por uma natureza exuberante, integra o conceito-chave de centralidade urbana que, por sua vez, se junta à experiência de poder potencializar o convívio social entre os moradores do bairro”, contextualiza.


Comentários